Buscar

Iguaçu poderá fazer a pastilha rodar pela Copa do Brasil. Pastilha?




Zé, Gabardo e Juninho

Bola rolando: Newton Santos Júnior trocou o Coxa pelo Iguaçu e se prepara para entrar em campo pelos campeonatos paranaense e ...Sul-Minas. Bola!? Espera aí. Melhor recomeçar: a pastilha rodando com o Iguaçu pronto para “subir na mesa”. Isso mesmo. Vamos falar de futebol de botão. O empresário curitibano Newton , casado, pai do Cristofer e Dariane, jogava pelo Coritiba até fevereiro de 2020. “Mas aí, com a mudança de presidência (do Coxa), um grande amigo meu foi escolhido para representar o Coritiba, o que eu fiquei muito feliz. Então, como ano passado fui vice-campeão paranaense (pelo Coxa), entre a premiação de troféus, medalhas, vieram alguns brindes. E um deles era um time do Iguaçu, de União da Vitória. Então, como eu acabei entre aspas perdendo Coritiba, eu optei pelo Iguaçu”, explicou. Newton - ou melhor, o Juninho - inscreveu o Iguaçu pela Liga das Araucárias, que é a maior liga do Paraná e uma das maiores do Brasil. A modalidade é pastilha, adaptação doze toques. E olha que no momento, as semelhanças entre o futebol real e o de botão são maiores. Sim, a Covid-19 também afeta os jogos de mesa e, assim, os campeonatos estão paralisados no momento. Porém, as inscrições para paranaense já se encerraram om 28 botonistas representando os clubes Coritiba, Athlético, Paraná, Iguaçu, Arapongas, Londrina, Cascavel, Maringá, União Bandeirantes, Rio Branco de Paranaguá. Os jogos serão no estádio Couto Pereira, em Curitiba. Ele também participará do campeonato Sul-Minas. Igualmente com inscrições encerradas, a competição aguarda definições com relação à Covid. “Tão logo dê uma amenizada na pandemia aí, a gente vai para disputa”, torce. Ele fala da sua expectativa. “Eu estou num grupo pesado, mas penso que com todas as condições, aí com o Iguaçu, de chegar pelo menos entre os três, entre os quatro, ali no pódio. Então, isso é uma coisa que eu vou, vou lutar bastante”. Ele revelou que outra intenção é disputar a Copa do Brasil com o Iguaçu. Na semana passada, o Juninho recebeu a visita do nosso diretor de Relações, Emannuel Gabardo Taques. “Agradeço ao carinho do Gabardo e do deputado Hussein Bakri por ter enviado a camisa oficial do Iguaçu para eu usar nas disputas. Só pra você ter uma ideia, eu usaria uma camisa amarela e azul de outro clube com a qual joguei um mundial em setembro do ano passado. Agradeço também ao Zé, o fabricante dos botões que acabou me patrocinando com vários uniformes (botões) do Iguaçu, azul claro, azul escuro, amarelo. Fiquei bem feliz também”, finalizou.

Está combinado. Tão logo inicie a competição, o Nilton- ops, o Junho - vai nos avisar aqui para acompanharmos a competição. Não raras vezes os jogos contam até com transmissões via streaming, ao vivo. No que depender da torcida do Iguaçuzão, Nilton terá um apoio e tanto! Lances do paranaense de 2020, com Juninho jogando pelo Coxa:



Por Marcelo Storck (Agência A2)







72 visualizações0 comentário